Apresentação do Encontro Veja a programação do Encontro Conheça os artistas Confira as Rodas de Prosa Feira de Oportunidades Sustentáveis Oficinas ministradas durante o Encontro Mostra de Cinema Petrobras Diário de São Jorge Material para imprensa Ficha Técnica do Encontro Entre em contato
 

21/07/2007 18:28
Montagem do palco
Luz, câmera, espetáculo!

por Arthur Porto, da Agência de Notícias Cavaleiro de Jorge

A produção liga um fio aqui, outro ali. As crianças do projeto Turma que Faz tomam conta do palco, perto da Escola Municipal, para ajudar na decoração. O papel crepom, de cores variadas, se transforma em flores que, fixas em arames, deixam o ambiente mais sofisticado.

Quem coordena os garotos do projeto é a arte-educadora Doroty Marques. Durante seis meses ela desenvolve trabalhos com as crianças da Vila de São Jorge com o intuito de ensinar a arte. "Fomos nós que fizemos as flores e escolhemos as cores. Espero que o palco fique bem bonito!", ressalta Lucas Rodrigues Ribeiro, 11 anos, integrante do Turma que Faz.

Marcelo Scaranari

Garotos decorando o palco com as flores de papel crepom

O teto, coberto com folha de pindoba - espécie de folha de coqueiro - ganha um ar rústico. Duas varas de iluminação, paralelas, com 24 spots, vão se adequar aos shows de acordo com a filosofia de cada apresentação. "A iluminação é bem simples, o objetivo é fazer com que os artistas se destaquem", afirma o diretor de palco Zé Henrique..

A força de vontade foi a ferramenta mais usada na construção do palco. O administrador José Reinaldo, mais conhecido como Jatobá, suou a camisa durante trinta dias para terminar todas as construções do Encontro de Culturas. "Ainda bem que tudo deu certo, mesmo o tempo sendo a nossa principal dificuldade. Administrei as coisas de acordo com o projeto. Procurei fazer tudo da melhor forma possível", ressalta.

Marcelo Scaranari

Madeira e pindoba na construção de um espaço rústico e aconchegante para as apresentações

A estrutura do evento promete ser o quintal da casa de diferentes grupos, que misturam a música com o teatro, e receber de braços abertos pessoas dos quatro cantos do Brasil e do mundo.

Turma que Faz

O projeto foi criado para fortalecer a cultura e o meio ambiente, através de trabalhos artísticos e naturais que a região possui. Com sede em São Jorge e extensões presenciais em Niquelândia e Colinas do Sul, o projeto conta com a participação de agentes culturais e crianças da região.

enviar por e-mail | imprimir
topo da página | mais notícias

26/05/2009 - IX Encontro de Culturas
Vem aí o IX Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros

02/08/2008 - Encontro
Zambiapunga e Turma que Faz celebram o fim do VIII Encontro de Culturas Tradicionais

02/08/2008 - Arcoverde na Chapada
"É só tocar um pouco de Fogo que a explosão ocorre”

01/08/2008 - Entrevista
“Incelente Maravilha”

01/08/2008 - Show
Música caipira faz as honras da casa



Avá–Canoeiro – Solidão como herança


Programe agora sua viagem para São Jorge. Encontre as pousadas, campings e restaurantes da Vila.