Apresentação do Encontro Veja a programação do Encontro Conheça os artistas Confira as Rodas de Prosa Feira de Oportunidades Sustentáveis Oficinas ministradas durante o Encontro Mostra de Cinema Petrobras Diário de São Jorge Material para imprensa Ficha Técnica do Encontro Entre em contato
 

18/07/2007 20:10
Catira + Hip Hop
A expressão do hip hop unido à tradição da catira

por Luciana Castro, da Agência de Notícias Cavaleiro de Jorge

Misturando catira com hip hop, a Comunidade Educacional de Pirenópolis - COEPI mostra que a troca de experiências faz acontecer grandes projetos. Com dez anos de fundação e sede em Pirenópolis (cidade colonial turística do interior de Goiás, localizada a 140 km de Brasília-DF), a COEPI oferece oficinas de artes plásticas, dança, teatro, audiovisual e música para crianças e jovens da comunidade, juntamente com mestres griôs.

O grupo composto por jovens alunos das oficinas de hip hop e percussão do Ponto e dois griôs de tradição oral da COEPI. A apresentação é uma mistura de gerações, com várias brincadeiras rurais, como a do Vilão (dança com lenços apresentada antigamente em pousos de folia), a do Chá (dança em louvação à colheita da cana de açúcar e à produção de cachaça) e a do Desafio (cantoria em versos ritmados com inserção de quadrinhas tradicionais e improvisadas). Toda essa mistura cultural poderá ser vivenciada posteriormente na oficina que o grupo oferece para o público do VII Encontro de Culturas da Chapada dos Veadeiros .

Um pouco de cada

O hip-hop surgiu no final da década de 60, nos subúrbios negros e latinos de Nova Iorque (EUA). Pobreza, violência, racismo, tráfico de drogas, carências de infra-estrutura e educação eram problemas comuns nos guetos. Os jovens se encontravam na rua, o único espaço de lazer, e se organizavam em gangues. Eles tinham regras próprias e se confrontavam violentamente na luta pelo domínio territorial.

Neste contexto, diferentes manifestações artísticas de rua, como música, dança, poesia e pintura passaram a ganhar o espaço na disputa entre as gangues. Nascia então o hip-hop e o break, a música e a dança de rua das gangues, que, com o passar do tempo, ganharam o respeito da sociedade.  

A catira tem sua origem muito discutida. Alguns dizem que ela veio da África, junto com os negros. Outros, que é de origem espanhola, enquanto estudiosos afirmam que é uma mistura com origens africanas, espanholas e também portuguesas, já que a viola se originou em Portugal, de onde nos foi trazida pelos jesuítas.

Para o VII Encontro de Culturas da Chapada dos Veadeiros a COEPI traz para a Vila de São Jorge a junção de todas essas expressões artísticas, ricas em tradição, força e elementos.

Os griôs

A Ação Griô é um projeto do Programa Cultura Viva, do Ministério da Cultura, que visa estimular a tradição oral nas comunidades por meio dos "contadores de histórias". O projeto é formado por pessoas que adquiriram conhecimentos de antepassados e os repassam aos novos aprendizes, preservando as tradições orais.

enviar por e-mail | imprimir
topo da página | mais notícias

26/05/2009 - IX Encontro de Culturas
Vem aí o IX Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros

02/08/2008 - Encontro
Zambiapunga e Turma que Faz celebram o fim do VIII Encontro de Culturas Tradicionais

02/08/2008 - Arcoverde na Chapada
"É só tocar um pouco de Fogo que a explosão ocorre”

01/08/2008 - Entrevista
“Incelente Maravilha”

01/08/2008 - Show
Música caipira faz as honras da casa



Para encantar os olhos e preencher a alma


Programe agora sua viagem para São Jorge. Encontre as pousadas, campings e restaurantes da Vila.